sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Cultura em pauta : II Conferência Estadual de Cultura reuniu gestores de 333 municípios

http://www.cultura.mg.gov.br/?task=interna&sec=2&cat=42&con=1959&all_not=y
Paulo Brant (secretário de Estado De Cultura) e a deputada estadual
Gláucia Brandão na abertura do encontro.


Veja algumas das propostas aprovadas:

- "Produção Simbólica e Diversidade Cultural": apoio à organização e divulgação das manifestações culturais tradicionais e artísticas dos diferentes grupos étnicos, bem como estímulo à integração da cultura nacional; apoio na implantação de veículos locais e comunitários de comunicação; e promoção do intercâmbio de produções culturais e simbólicas.

- "Cultura, Cidade e Cidadania": estruturação de rede integrada de informação, articulação e divulgação entre órgãos, instituições, movimentos e grupos voltados para a preservação do patrimônio cultural; ampliação das ações de democratização do acesso aos bens culturais, por meio de parcerias com a iniciativa privada e organizações da sociedade civil; e a criação de centro de tradições e referência da cultura e da memória mineiras e de centros de referência da cultura regional, indígena e de afrodescendentes em diversos polos do Estado.

- "Cultura e Desenvolvimento Sustentável": desenvolvimento de novos projetos culturais e apoio aos já existentes integrados às demais políticas do governo, com atenção especial voltada para a população jovem e para as questões de gênero e etnia; promoção de programas e projetos culturais de dinamização, requalificação e desenvolvimento sustentável dos municípios; e fomento e disponibilização de recursos financeiros para a realização de intercâmbio cultural entre os municípios.

- "Cultura e Economia Criativa": incentivo a projetos de geração de emprego e renda relacionados à criação, difusão, circulação, fruição e promoção de bens culturais; instituição do Patrimônio Vivo Nacional, regido por edital específico, para fomento e manutenção de matrizes culturais brasileiras; e criação de fundos setoriais no âmbito do Fundo Estadual de Cultura.

- "Gestão e Institucionalidade da Cultura": estímulo à organização de instâncias e estruturas regionais e intermediárias de gestão compartilhada da cultura, tais como polos regionais, fóruns, consórcios intermunicipais e circuitos regionais; instituição do Sistema Estadual de Cultura integrado ao Sistema Nacional de Cultura, incluindo a elaboração do Plano Estadual de Cultura e a implementação de um sistema de informações e indicadores culturais.

Nenhum comentário: